Família britânica produziu apenas uma sacola de lixo em 2010

Os Strauss e seu troféu minimalista: quase nenhum lixo - foto: zerowaste.com

Os Strauss reciclam quase tudo. Compram verduras e frutas nos mercados locais para evitar embalagens, levam seus próprios recipientes quando vão ao açougue, plantam grande parte da própria comida e transformam os restos dos alimentos em adubo. Usam painéis solares e baterias recarregáveis para gerar energia. Tanto cuidado resultou em uma façanha e tanto: uma família de três pessoas produziu apenas uma sacola de lixo durante um ano.

Na Inglaterra, uma família média produz cerca de 750 kg de lixo por ano. Os Strauss, também ingleses, não produziram sequer 1 kg.  Brinquedos quebrados, lâminas de barbear, canetas e negativos fotográficos.  Era esse o conteúdo da pequena sacola de lixo.

Há dois anos o casal Richard e Rachelle Strauss e a filha Verona, de nove anos, se propuseram a reduzir drasticamente sua produção de lixo. A ideia surgiu de Rachelle, mas o marido só se interessou quando assistiu uma reportagem sobre os danos que as embalagens plásticas causam à vida marinha.

A experiência da família pode ser acompanhada pelo site My Zero Waste que se tornou referência sobre reciclagem e tem mais de 70 mil acessos por dia.

 

E você, quantas sacolas utilizou no ano de 2010?

 

Fonte: Ecocidades

Use EcoBags

Use Pense ECO!

www.penseeco.com

Anúncios

15 cidades mais ecológicas do Mundo

Pense ECO! sacola ecológica

Sacola Ecológica

Estas cidades não são literalmente mais verdes lugares na Terra, algumas ainda tem um longo caminho a percorrer para a sustentabilidade, mas o site Grist elegeu as cidades que merecem destaques e reconhecimento pelos feitos e avanços impressionantes para ajudandar seus muitos milhões de habitantes a viverem melhor.

Deixe você também a sua opinião sobre a cidade mais verde na seção de comentários!

1- Reykjavik - Islândia

1- Reykjavik - Islândia

1- Reykjavik – Islândia

A capital da Islândia é um exemplo de cidade que está a caminho da sustentabilidade. Todos os ônibus são movidos a hidrogênio e há uma rígida política de incentivo ao uso do transporte público. Além da cidade de nome quase impronunciável, todo o país é abastecido quase exclusivamente  por fontes renováveis de energia e tem o compromisso de se tornar, até 2050, livre de combustíveis fosséis. O prefeito da cidade tem por meta tornar Reykjavik a cidade mais limpa da Europa.

2 - Portland - Oregon USA

2 - Portland - Oregon USA

2 – Portland – Oregon / USA

A Cidade das Rosas, como é conhecida, é um exemplo de planejamento urbano e uma das cidades mais verdes que há para se viver. Foi a primeira cidade a aprovar um plano global para reduzir as emissões de CO2 e tem políticas agressivas para incentivar as construções ecologicamente corretas. Os meios de transporte público ajudam muito a retirar milhares de carros das ruas e a cidade orgulha-se dos 92.000 hectares de espaços verdes e mais de 120 quilômetros de ciclovias e trilhas.

3 - Curitiba, Brasil

3 - Curitiba, Brasil

3 – Curitiba, Brasil

Com um sistema de transporte público invejável a outras metrópoles, Curitiba é um oásis em meio às capitais brasileiras.  O sistema integrado de transporte de massas foi aclamado como um dos melhores do mundo, apesar de vir sofrendo com o excesso de carros particulares nas ruas. Curitiba tem a impressionante marca de 180 metros quadrados de área verde por habitante e, de acordo com pesquisas, 99% de sua população está contente com a cidade em que vive.

4 - Malmö, Suécia

4 - Malmö, Suécia

4 – Malmö, Suécia

Conhecido por seus extensos parques e áreas verdes, a cidade de Malmö, terceira maior cidade da Suécia, é um modelo de desenvolvimento urbano sustentável. Com o objetivo de tornar a cidade uma “ekostaden” (eco-cidade), vários bairros já foram transformados usando design inovador com alternativas sustentáveis. O incentivo ao uso da bicicleta e o extenso sistema de transporte público torna a cidade ainda mais verde.

5 - Vancouver - Canadá

5 - Vancouver - Canadá


5 – Vancouver – Canadá

Situada entre as montanhas e o mar, a cidade de Vancouver é um paraíso para os amantes da natureza. Com 90% de sua energia proveniente de fontes renováveis (hidroelétrica, eólica e solar), a cidade promete, em poucos anos, zerar a utilização de combustíveis fosséis. A área metropolitana possui 200 parques e mais de 18 km de rio e vem desenvolvendo políticas sérias para alcançar o índice de cidade 100% sustentável.

6 -  Copenhague, Dinamarca

6 - Copenhague, Dinamarca

6 –  Copenhague, Dinamarca

Com um grande parque eólico gerador de energia e uma imensa população que se locomove apenas em bicicletas, Copenhage é um sonho verde. A cidade acaba de inaugurar um novo sistema de metrô, o que tornou o trânsito ainda mais eficiente. A cidade ganhou recentemente o Prêmio Europeu de Gestão Ambiental pela limpeza das vias públicas e o planejamento ambiental a longo prazo.

7- Londres, Inglaterra

7- Londres, Inglaterra

7- Londres, Inglaterra

Desde o Plano de Ação para as Mudanças Climáticas, a capital da Inglaterra vem inovando e se tornando mais verde. De acordo com o plano, Londres vai mudar 25% de sua energia para fontes renováveis e cortas as emissões de CO2 em 60% nos próximos 20 anos. Há também um plano de incentivo para os habitantes renovarem e melhorarem a eficiência energética de suas casas. A cidade também já fixou altos impostos sobre o transporte pessoal para limitar congestionamentos na zona central da cidade, além de políticas de incentivo aos veículos elétricos, híbridos e SUVs.

8 - San Francisco, Califórnia, USA

8 - San Francisco, Califórnia, USA


8 – San Francisco, Califórnia, USA

Quase metade de todos os moradores de São Francisco andam de transporte público, à pé ou de bicicleta diariamente e mais de 17% da área total da cidade é reservada a parques e espaços verdes. São Francisco também é líder nas construções certificadas (LEED), com mais de 70 projetos registrados. Desde 2001, a cidade abriu uma grande linha de financiamento para a criação de painéis solares, turbinas eólicas e para a melhoria da eficiência energética. Foi a primeira cidade do mundo a proibir sacos plásticos não-recicláveis e brinquedos que contenham produtos químicos.

Fontes:

http://www.grist.org

http://www.energiaeficiente.com.br

Use Sacolas Ecológicas Pense ECO!

%d blogueiros gostam disto: